11 de jan de 2010

Torre de Vigia, sociedade religiosa ou comercial? - Resposta a um anônimo

Em 26/09/09 escrevi neste blog um artigo intitulado "Torre de Vigia, sociedade religiosa ou comercial?", e no dia 09/01/10 um anônimo fez o comentário abaixo:

Quem está a ignorar os fatos é você, meu caro paulo arroio, pelo seguinte fato:- 1)você observou estes documentos oficiais extraídos na Alemanha, mas esquece também de outros documentos oficiais alemães que inocentam as Tjs. 2)deste quando a torre "publicaria" balanço ativos em jornais? Me informe qual o jornal e a data que saiu esse balanço. 3)Antes de você dizer que os imóveis luxuosos da torre valem bilhões, mande fazer um balanço para saber o que de fato ela tem e quanto vale. 4) Nunca ouvi falar que alguma religião deveria pagar imposto. Pelo contrário, sei e provo que na maioria dos países as igrejas são liberadas de ter que pagar imposto. Conseqüentemente, como elas teriam problema com o fisco? E dentro desta questão, continuo meu raciocínio: será que tudo o que a mídia fala é verdade, ou deve levar em consideração? A mídia é a coisa mais mentira e falsa que existe, e você dizer que não é, ou defende-la, está perdendo sua moral de falar alguma coisa, e esta assinando seu atestado de …

Para que a verdade prevaleça, pretendo esclarecer os quatro pontos do comentário do anônimo.

l) Embora a Torre tenha contrabandeado dinheiro da Alemanha Oriental para a Alemanha Ocidental, eu não mencionei que ela foi condenada ou processada por ter praticado esta ilegalidade. O que ficou claro é que a Torre não mede esforços para encher o cofre, mesmo que para isso tenha de burlar a lei, e isto uma religião que se considera a única verdadeira não poderia fazer. Você disse que existem documentos oficiais alemães que inocentam as TJs.  Inocentam as TJs do que?

2) O jornal que publicou o balanço da Torre: "Diario Oficial Empresarial". Data: SP terça-feira 07/04/09. Abaixo uma foto da publicação do balanço da Torre, e o link para melhor visualização.

O balanço foi publicado em um jornal pouco conhecido para que as TJs não tenham acesso as informações do balanço. Neste balanço você verá que a Torre praticamente não tem dívidas e que possui uma aplicação financeira em 2008 com o valor exorbitante de  R$ 133.000.000,00 (Cento e trinta e três milhões de reais). Se aqui no Brasil, a Torre possui este valor em "Caixa" imagine nos Estados Unidos, Japão, e etc., somando tudo não dá nem para imaginar, não acha? As TJs trabalham incansavelmente, e estão deixando a Torre podre de rica. Para que tanto dinheiro?

3) Mandar fazer um balanço para ver quanto valem os imóveis da Torre? Não vejo necessidade disto, mas a conta é simples, leve em consideração as propriedades super valorizadas da Torre nos Estados Unidos, as diversas filiais luxuosas espalhadas pelo mundo, as centenas de salões de assembléias e etc.  Garanto a você que l Bilhão de dólares não dá para pagar por tudo isto.

4) "Nunca ouvi falar que alguma religião deveria pagar imposto. Pelo contrário, sei e provo que na maioria dos países as igrejas são liberadas de ter que pagar imposto".
É verdade, religião não deve pagar imposto e isto ocorre na maioria dos países. Então porque estão querendo que a Torre pague imposto? Vejamos primeiro o que ocorre aqui no Brasil. Sabemos que a Torre não é uma entidade de assistência social com fins filantrópicos, que ela não possui nenhum hospital, asilos para velhos ou orfanatos, mas sabemos que ela possui uma grande industria gráfica e que recebe pelas literaturas impressas, caso não recebesse entraria em falência. Mas como a Torre se cadastrou na Secretaria da Receita Federal do Brasil?
A torre de vigia não está cadastrada na Receita Federal como uma organização religiosa, mas sim como:


88.00-6-00 - Serviços de assistência social sem alojamento
Entrem no site da Receita Federal e confirmem:
http://www.receita.fazenda.gov.br/PessoaJuridica/CNPJ/cnpjreva/Cnpjreva_Solicitacao.asp
O CNPJ da torre é 33755687000124
Porque a Torre de Vigia mentiu para a Receita Federal?


Agora tirem uma certidão usando o CNPJ da Torre no site da Receita
http://www.receita.fazenda.gov.br/Aplicacoes/ATSPO/Certidao/CNDConjuntaSegVia/NICertidaoSegVia.asp?Tipo=1


Vejam que no resultado consta o seguinte:
1-Constam débitos relativos a tributos administrados pela Secretaria da Receita Federal do Brasil (RFB) com a exigibilidade suspensa, nos termos do artigo l5l da Lei 5.172, de 25 de outubro de 1966 - Código Tributário Nacional (CTN).


SE A TORRE ESTIVER COM ALGUMA PENDENCIA, A RFB NÃO EMITIRÁ A CERTIDÃO.

A Torre possui débitos na RFB que estão sendo discutidos na justiça. A Torre se faz passar por entidade de assistência social com fins filantrópicos, com o objetivo de conseguir isenções fiscais. O governo está investigando a veracidade disto (e sabemos que a torre está mentindo). Caso se confirme que a Torre não possui fins filantrópicos, ela terá que quitar seus débitos na RFB. A mesma coisa está ocorrendo em outros países, mas na França o problema da Torre é mais grave, lá o governo está exigindo um pagamento de impostos que já chegou a milhões. Isto está ocorrendo porque a Torre não é uma entidade de assistência social, mas uma religião com o maior parque gráfico do mundo e tem faturado muito com a venda de literaturas pelo mundo afora. Diferente da Torre, as outras religiões quando querem publicar alguma coisa, pagam o devido imposto. Entendeu porque a Torre está com problemas fiscais em diversos países?

Para se inteirar melhor do problema na França acesse:

Como você pode ver, o assunto em pauta não tem nada a ver com a mídia, tem a ver com a verdade. Diante destas novas informações, seria interessante que você comentasse.









17 comentários:

Anônimo disse...

Sou TJ e confesso que sempre que leio coisas assim, isso me incomoda e preocupa muito, muito mesmo.
Sobre serem registradas na Receita como 'Sem Alojamento' é algo que realmente exige explicações e que faz pairar um enorme ponto de interrogação.
Estou pesquisando sobretudo pontos como esse, que macula demais a imagem das TJ como um todo. O que me deixa mais triste nisso tudo é que a maioria de nós nem sonha com essas coisas. Eu, por essa e outras, já não contribuo com mais nada financeiramente, nem com mão de obra gratuita.
Pior do que isso é me manter lá dentro por 'medo' de perder a família para essa religião. O governo tem mais é que investigar mesmo e cobrar sim. Afinal, ações como essas e outras que estão acontecendo hoje aqui e em outros países ajudarão a expor a hipocrisia velada da Torre de Vigia. As TJs individualmente...fico penalizado, pois são em grande porcentagem pessoas simples, modestas, de pouca instrução e, pior ainda, sem acesso a informação.
Espero que no futuro pròximo eu possa ver algo de concreto acontecer.

Paulo Arroio disse...

Parabens, você enxerga a realidade com bastante clareza, tudo é muito triste realmente, mas é melhor abrir os olhos o mais rápido possivel. Pior seria a TJ desperdiçar toda sua vida servindo a uma organização humana, ou descobrir que foi enganada com idade avançada de 70 ou 80 anos, pois esta pessoa teria pouco tempo para usufruir a liberdade gloriosa dos filhos de Deus. Fique em paz!

Anônimo disse...

"faturado muito com a venda de literaturas pelo mundo afora"

Estranho, por que nunca ví, nos dias de hoje, uma publicação com valor do custo impresso na capa em alguma pratileira assim como se vê por exemplo uma bandeja de rondele com seu preço em um supermercado.

Papa Léguas disse...

Eu não li todos os comentários, mas pergunto:

Quem escreveu o texto não é Contador, é?
O link para o Balanço está muito pequeno. É possível disponibilizar o link direto da página? Sem ser em *jpg.?
Ele não foi publicado no Diário Oficial, para que poucos TJ's lessem.
(rsrsrsrsr)
Há regras quanto a isso.

Pondere melhor quanto aos comentários, textos, vc acaba se desviando da verdade tanto quanto aqueles que afirmam que a possuem.

Richard Weiler disse...

Essas informações de fato são perturbadoras para quem continua a ser seguidor desta seita. Interessei-me pelo artigo e gostaria de pedir a sua permissão para disponibilizá-lo em meu blog com os devidos créditos, obviamente. Um abraço! http://richardweiler.blogspot.com

Richard Weiler disse...

Aguardo seu retorno. Abraço!
http://richardweiler.blogspot.com

Anônimo disse...

Voce realmente eh muito mal informado!!

"Servico sociais sem alojamento" se refere ao servico prestado pela entendidade que eu saiba as TJs nao oferecem as pessoas alojamento junto com a literatura.

A excecao talvez seja quando existem tragedias naturais, tais como no Haiti e no Chile, que alias tem SEMPRE participacao ativa da sociedade.

Ainda assim, se CONSTROI um alojamento ou casas para os afetados.

Atenciosamente

Anderson

Paulo Arroio disse...

Que comentário confuso heim!
Onde foi que prestei uma "má informação"? Tudo o que escrevi está documentado, isto indica que estou muito bem informado. Se a Torre se cadastrou de forma desonesta na SRF como "Serviços sociais sem alojamento" o problema é dela. Analise o seu cometário e notará que ele não tem sentido. Ninguem disse que a Torre oferece literatura com alojamento. O que toda Testemunha de Jeová sabe é que a torre não é uma "entidade que presta serviços sociais", ela deveria ser uma "religião", mas tudo indica que é um "comércio", leia com atenção a matéria, quem sabe Jeová não te ajuda a enxegar a realidade.
Fique em Paz.

Anônimo disse...

.Não sei se as Tjs sabem da vendas das propriedades em Brooklyn
http://www.onebrooklyn.com/ ?

Anônimo disse...

É uma pena que existam pessoas como vocês, e que viraram as costas para uma Organização Pura, Limpa, Clara, Transparente. Vejam o que vi na CND da ASSOCIAÇÃO:"constam débitos relativos a tributos administrados pela Secretaria da Receita Federal do Brasil (RFB) com a exigibilidade suspensa, nos termos do art. 151 da Lei no 5.172, de 25 de outubro de 1966 - Código Tributário Nacional (CTN); e

constam nos sistemas da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN) débitos inscritos em Dívida Ativa da União com exigibilidade suspensa, nos termos do art. 151 do CTN, ou garantidos por penhora em processos de execução fiscal."


Vocês, APÓSTATAS, sabem o que significam "exigibilidade suspensa" segundo a lei?. Traduzo pra vocês: SIGNIFICA QUE NÃO HÁ OBRIGATORIEDADE POR SER UMA SOCIEDADE FILANTRÓPICA. Aguardem somente, tão somente o julgamento de Jeová no seu devido tempo, assim como não tardou a fazer com Faraó. Ainda dá tempo de vocês repensarem e dá meia volta. Jeová é justo. E para este irmãozinho aí o ANÔNIMO, que está em cima do muro, seria MELHOR ELE TEMER EM DESAGRADAR A JEOVÁ, DO que A FAMÍLIA. o TEMPO QUE ELE PEEEEERDE EM LER ESTAS MATÉRIAS, DEVERIA ESTAR PREGANDO, E LENDO AS PUBLICAÇÕES QUE OS ENCORAJARIA COM CERTEZA. TE CUIDA MEU IRMÃO!!! Também ainda há tempo pra vc. Qto aos seus donativos, se não forem de coração, é melhor não fazê-lo. Lembra-se das oferendas mancas? Jeová não as aceitava. Assim será com você. Dê meia volta, seja corajoso, honesto com você mesmo.

Paulo Arroio disse...

Caro anônimo, eu não virei as costas para a organização por ser um cristão ruim, você não sabe como me senti triste e desiludido ao descobrir o passado da Torre, como fiquei penalizado ao constatar as inúmeras pessoas que tiveram suas vidas roubadas e destruídas pela Torre, infelizmente por mais dura que seja, esta é a verdade. Me desculpe, mas somente as TJs consideram a organização como pura, limpa e transparente.

A Torre não deve nada a SRF, isto e fato, as organizações religiosas estão isentas de impostos, mas sabemos que a maioria tem acumulado grandes fortunas, e a Torre não foge a regra, estas organizações são mais comerciais que religiosas.

Quanto ao julgamento de Jeová, não tenho temor algum, estou com minha consciência tranqüila, não marquei nenhuma data para o armagedon, ninguém morre por seguir minhas doutrinas, não faço lavagem cerebral, não escravizo as pessoas, não deturpo a bíblia e etc.

Você deve ser um ancião e quer manter as pessoas alienadas e escravizadas, e a melhor maneira de conseguir isto é convencer as TJs a apenas ler publicações da Torre, e não ler nada que diga a verdade sobre a Torre. Conveniente não?

Dou a você um ultimo aviso: “Sai dela (da Torre), povo meu, se não quiserdes compartilhar com ela nos seus pecados e se não quiserdes receber parte das suas pragas.” (Ver.18:4)

Cuidado, acorde, salve sua vida.

Fique em paz.

vagner miguel disse...

Acho interessante esses anônimos que defendem a TORRE, eles não dizem seus nomes e não pesquisam sobre as falcatruas da TORRE e dizem que são perseguidos.. engraçado, né ? isso que eu chamo de lavagem cerebral...

Anônimo disse...

Os tjs não tem celebro, são como papagaio só repetem o que o corpo governante ensina.
Ainda tem tj pregando o fim para o século vinte,não sabem o que estão
falando.

Anônimo disse...

Nao sei porque tanta discussao. Que ha coisas que precisam ser explicadas isso sim. Nao entendo porque nao pode fazer doacao de sangue? os meedicos foram instituidos por Deus! Lucas segundo estudo era medico. Se um medico fala que a pessoa precisa de sangue eu nao ajudar? amaras teu proximo como a ti mesmo?
So sei de uma coisa, conhecereis a verdade e a verdade vos libertara. Fica na paz do senhor Jesus

Anônimo disse...

Digo mais a biblia diz q o dinheiro é o principio de todos os males.

Darci Albani disse...

Os negócios da torre pelo que conheço são: gráfica, imobiliária e aplicação mercado financeiro. se disfarça de religião, tem práticas de seita, mas é uma empresa multinacional. Fico com o coração na mão de pena que tenho de ver pessoas puras e ingenuas andando nas ruas com sol de 40Graus. batendo de porta em porta incomodando e sendo ostilizados por moradores para vender material gráfico pensando que estão pregando a palavra, a maior parte nem sabe pregar que alias a torre nem se preocupa com isso pois o foco da mesma não é isso e sim ganhar muito dinheiro. Os salões das reuniões são construidos com arquitetura de padrão comercial, pois se acontecer algum problema de impedimento de sua permanência no pais eles vendem facilmente pois está em seu nome e tudo devidamente legalizado, tudo feito e construido com mão de obra gratuita dos membros. no que diz respeito a ajuda nas tragédias, não passa de uma jogada de marketing, acontece uma tragédia o setor de relações publicas é acionado eles procuram o prefeito este arruma um terreno e eles chamam a impressa que já esta lá cobrindo e dizem que vão ajudar ai compram 10 000,00 de material chamam os membros para trabalhar de graça e ficam com o mérito de bonzinho simples não. você ja viu eles ajudarem alguem ou alguma entidade de caridade. Por serem uma grande empresa usam os melhores proficional de markuetig do mercado.

Anônimo disse...

O fato de estar cadastrada como assistente social a livra de prestar contas?